Perfil de investidor: o que é, qual importância e seus impactos

Você pensa em investir seu dinheiro para o quê? Quais são as suas metas?

Você prioriza sempre ter um ganho adicional ou prefere não perder o valor que já tem?

Em quanto tempo você deseja realizar os seus objetivos financeiros?

Tudo isso deve ser levado em consideração no momento de decidir a composição da sua carteira de investimentos. Essa tarefa pode se tornar mais complicada caso você não tenha conhecimento sobre o seu perfil de investidor.

Para atingir bons resultados, segurança financeira e lucro, o ponto de partida é o autoconhecimento. Por isso, é necessário muito estudo sobre os próprios objetivos e suscetibilidade ao risco.

Neste artigo, vamos te mostrar características dos perfis conservador, moderado e agressivo, além dos investimentos mais adequados para cada um deles.

A importância de conhecer o perfil de investidor

O perfil de investidor é uma classificação indicativa que conduz o indivíduo a fazer escolhas financeiras mais adequadas à sua realidade, objetivos e expectativa.

Em julho de 2015, a aplicação do questionário passou a ser obrigatória pela CVM (Comissão de Valores Mobiliários) para todas as instituições financeiras antes do indivíduo investir em algum produto.

Deste modo, identificar o perfil antes de qualquer decisão é essencial para aplicar o dinheiro apenas naqueles investimentos que combinam mais com você, seja em termos de prazo ou de características do ativo.

Ao conhecer as próprias particularidades como investidor, é menos provável que você tenha problemas e frustrações no futuro acerca das escolhas de investimento.

Dois pontos de atenção que devem ser considerados sobre o perfil de investidor são:

  • 1
    Cuidado com ofertas de bancos e assessores de investimento: é recomendável que você escolha sua instituição financeira com muita atenção e avalie sempre as recomendações recebidas. Às vezes, o seu banco ou assessor de investimento podem indicar produtos que não condizem com o seu perfil e, por isso, é necessário ter atenção para não cair nessa armadilha.
  • 2
    O perfil de investidor não é estático: ao longo da vida como investidor, é possível que você aumente o conhecimento sobre os produtos e o mercado, altere os seus objetivos e se torne mais ambicioso a respeito dos resultados. Assim, o perfil de investidor é dinâmico e pode mudar ao longo do tempo.
Origem do cadastro:
*|HTML:ORIGEMERROR|*
Quer estar atualizado sobre o mundo dos investimentos antes de todo mundo? Faça parte da nossa comunidade!
*|HTML:EMAILERROR|*

Qual o melhor perfil de investidor?

Como você já deve ter entendido, o perfil de investidor serve para te mostrar quais são as melhores alternativas para os seus investimentos de acordo com suas características e objetivos.

Assim como cada indivíduo, o perfil de investidor é único e, portanto, não existe um perfil melhor que outro.

Na verdade, existe o pior perfil para você: todos os outros que não sejam o seu.

Por tudo isso, nada de querer se adequar a algo que não condiz com você!

Tipos de perfil de investidor

Os perfis de investidor dividem-se em três: conservador, moderado e agressivo (também chamado de arrojado). Eles variam de acordo com a liquidez, risco e retorno desejado.

Conservador

A principal característica desse perfil é o desejo de preservar o valor aplicado com segurança.

O investidor conservador costuma escolher produtos de baixo risco e que não enfrentam grandes oscilações.

Além disso, ele busca investimentos com alta liquidez — possibilidade de resgate do valor investido com facilidade.

Pelas características de alta liquidez e segurança, os rendimentos de perfil conservador não costumam ser elevados, mas não tem nada de errado com isso!

O que deve ser trabalhado é a questão de prazos mais longos para uma parcela do capital para poder ter acesso a opções com retornos levemente maiores.

É tendência que os iniciantes nos investimentos sejam conservadores, tanto por estarem conhecendo os produtos e possibilidades, quanto pelos menores valores envolvidos.

Porém, podem também existir pessoas de diversas idades e níveis de conhecimento financeiro nesse grupo.

Moderado

O perfil de investidor moderado pode ser considerado uma combinação de características dos perfis conservador e agressivo.

Um ponto relevante dos moderados é a flexibilidade. Ou seja, saber juntar pontos positivos de diferentes tipos de investimento, com equilíbrio.

O investidor moderado preza, assim como o conservador, pela segurança do patrimônio. Porém, ele possui maior propensão ao risco.

Ou seja, para ter acesso a rendimentos acima da média, ele está disposto a optar por produtos mais arriscados.

No que diz respeito ao tempo do investimento, o investidor moderado geralmente direciona suas aplicações, majoritariamente, em retornos de médio e longo prazo.

Agressivo ou arrojado

Se tem algo com que o investidor de perfil agressivo não se assusta é risco.

Por ser alguém que já tem certo conhecimento do mercado, a estratégia de investimento é prioritariamente de longo prazo. As grandes oscilações e o risco são percebidos como algo vantajoso para a composição da sua carteira.

Assim, o investidor agressivo preza por maiores retornos e está sempre em busca de maximizar os lucros dos seus investimentos.

No entanto, para diversificar a carteira e ter algumas aplicações seguras, ele deveria sempre direcionar parte do seu capital para estratégias conservadoras e moderadas.

Origem do cadastro:
*|HTML:ORIGEMERROR|*
Quer estar atualizado sobre o mundo dos investimentos antes de todo mundo? Faça parte da nossa comunidade!
*|HTML:EMAILERROR|*

Investimentos adequados para cada perfil

Para cada perfil, há investimentos que são mais recomendáveis devido ao risco, retorno e liquidez desejados. Vamos te direcionar para alguns produtos que fazem sentido com as suas características, de acordo com o seu perfil.

Conservador

Como já explicado, o perfil conservador é aquele que não gosta de assumir grandes riscos. Portanto, a carteira é composta principalmente por investimentos em renda fixa.

Sinta-se livre para investir em títulos públicos e produtos bancários em renda fixa por serem os mais seguros que existem. Outro investimento que pode ser considerado pelo risco ainda baixo são os fundos de investimentos de renda fixa.

Com moderação, podem compor a carteira do investidor conservador os fundos multimercados e produtos em renda fixa de crédito privado, como as debêntures, CRAs e CRIs.

Moderado

Os investidores moderados podem investir livremente em todos aqueles produtos indicados para o perfil conservador.

São adequados, também, pequenas participações dos fundos de ações, fundos internacionais, fundos imobiliários e as ações.

Agressivo

O investidor agressivo pode direcionar seu capital para qualquer uma das possibilidades de investimento, nas proporções que desejar, contanto que respeite e esteja confortável com os riscos da sua própria estratégia, que deve ser clara e bem desenhada.

A carteira do perfil arrojado pode ser composta por todos os investimentos citados para os perfis conservador e moderado.

Além deles, podem também ser inseridos na carteira do investidor as opções, o mercado futuro e as aplicações no exterior.

Conclusão

O perfil de investidor é essencial para qualquer processo de tomada de decisão no mercado financeiro.

Ele indica o que é mais adequado para cada pessoa, livrando de inúmeras frustrações que poderiam ocorrer caso não soubesse dos níveis de conforto com risco e prazo, e, por consequência, de retorno.

Com o que abordamos acima, conseguiu descobrir o seu perfil de investidor? Use nossas sugestões para inspirar as suas escolhas!

Se tiver alguma dúvida, entre em contato conosco pelos comentários ou redes sociais que te ajudaremos.

Inscreva-se em nossa newsletter e fique atualizado nos nossos conteúdos mais recentes!

Origem do cadastro:
*|HTML:ORIGEMERROR|*
Quer estar atualizado sobre o mundo dos investimentos antes de todo mundo? Faça parte da nossa comunidade!
*|HTML:EMAILERROR|*
Rafael Corrêa
Giovanna Oliveira
Publicado em Novembro de 2020
Ficou com alguma dúvida quanto ao conteúdo ou gostaria de fazer algum comentário? Sinta-se livre para deixa-lo(a) abaixo!

Continue lendo

Se gostou desse conteúdo, com certeza também gostará destes:

Outubro, 2020 Existem oportunidades em renda fixa com os juros a 2%?

A renda fixa morreu? Veja tudo o que precisa saber para fazer boas escolhas com a Selic a 2% ao ano.

Maio, 2020 Rentabilidade real: o efeito do tempo nos investimentos

Entenda como o tempo afeta seus resultados e aprimore seu planejamento de longo prazo.

Março, 2020 Como escolher um investimento – parte 1: objetivo e risco

Guia: saiba qual tipo de investimento é o mais adequado para você!


Outubro, 2020 Existem oportunidades em renda fixa com os juros a 2%?

A renda fixa morreu? Veja tudo o que precisa saber para fazer boas escolhas com a Selic a 2% ao ano.

Maio, 2020 Rentabilidade real: o efeito do tempo nos investimentos

Entenda como o tempo afeta seus resultados e aprimore seu planejamento de longo prazo.

Março, 2020 Como escolher um investimento – parte 1: objetivo e risco

Guia: saiba qual tipo de investimento é o mais adequado para você!