Day Trade: Entenda tudo sobre a operação

Com certeza você já ouviu falar sobre Day Trade e ficou interessado em entrar no mercado financeiro. Afinal, nos últimos tempos, muitas pessoas começaram a divulgar conteúdos sobre como começar a operar na bolsa de valores.

Isso se deu com a mínima histórica da taxa de juros, que fez com que a B3 batesse recorde de investidores ativos.

Com a demanda, surgiram mais conteúdos sobre o tema e todos esses ensinamentos práticos espalhados pela internet fizeram com que o mercado financeiro parecesse fácil. Mas, não é bem assim.

Para começar a operar ações é preciso ter muito conhecimento, habilidade e atenção.

Preparamos este conteúdo para que você entenda de uma vez por todas o que é day trade, como funciona e quem pode operar.

Afinal, o que é day trade?

O day trade é toda operação da bolsa de valores em que o investidor compra um lote de ações (ou qualquer outra quantidade) e as vende no mesmo pregão.

O objetivo é obter lucro com a oscilação de preço do ativo entre a abertura e o fechamento da B3. Para o lucro, a venda deve ser feita por um preço maior do que o inicial, aproveitando as oscilações a curto prazo.

Por conta dos detalhes e muitas variáveis envolvidas, o day trade não é recomendado para iniciantes. Afinal, a operação é de alto risco e pode-se perder mais dinheiro do que o investido ao errar a estratégia ou mesmo ao seguir recomendações superficiais.

Ou seja, para ser um trader, é preciso ter alto conhecimento sobre o mercado financeiro, ser estrategista e ter auto controle.

E por precisar de atenção constante na Bolsa de Valores entre o período de abertura e fechamento, o day trade não é recomendado, também, para aqueles que investem por hobby.

Origem do cadastro:
*|HTML:ORIGEMERROR|*
Quer estar atualizado sobre o mundo dos investimentos antes de todo mundo? Faça parte da nossa comunidade!
*|HTML:EMAILERROR|*

Como funciona na prática?

Como informamos no tópico anterior, o day trade funciona com a compra e venda de ativos financeiros no mesmo pregão.

Mas, essa não é a única forma da operação. Também é possível primeiro vender e depois comprar as ações, sempre no mesmo pregão. E isso é possível pois existe um processo automático de aluguel da ação, chamado BTC, o qual possui um pequeno custo.

Simplificando a explicação temos o seguinte:

  • Bolsa de Valores inicia o pregão;
  • Trader compra um lote no valor de R$ 15 cada ação;
  • No final do dia, as ações subiram para R$ 20;
  • Trader vende o lote;
  • Lucro obtido foi de R$ 5 por ação.

Por mais que pareça simples, não é. É de extrema importância entender as oscilações do mercado e o que as corretoras oferecem.

Um exemplo é a possibilidade de alavancagem, em que o trader pode operar uma quantia maior do que o saldo que possui em conta.

Além disso, o day trade é tributado. Mas você deverá pagar tributos após finalizar as operações de um mês completo e quando tiver lucro. Para isso, é preciso juntar o valor do lucro e pagar imposto de 20%, recolhido através de DARF uma única vez por mês. A DARF é paga através de um boleto.

Quais as vantagens?

Podemos dizer que a principal vantagem do day trade é a agilidade. Afinal, a operação permite que você tenha rendimento diariamente na conta.

Outra vantagem, como explicamos brevemente acima, é a possibilidade de operar alavancado. Mas, o que seria isso na prática?

Operar alavancado significa que você terá um valor negociado de ações superior ao que possui em conta, desde que tenha um saldo bloqueado como garantia na corretora.

Isto é, caso você tenha R$1 mil de saldo na conta e a corretora permita alavancagem de 25x no day trade, você terá R$25 mil para operar no pregão. Desde que tenha alguns outros ativos na mesma corretora aplicados, por exemplo, em renda fixa ou em fundos.

Bom, até aqui já sabemos quais são as vantagens da operação. Agora, vamos descobrir os riscos ao investir em day trade?

Origem do cadastro:
*|HTML:ORIGEMERROR|*
Quer estar atualizado sobre o mundo dos investimentos antes de todo mundo? Faça parte da nossa comunidade!
*|HTML:EMAILERROR|*

Quais são os riscos do day trade?

Caso você esteja interessado em começar a operar em day trade, é importante pontuar que é uma operação de alto risco. Ou seja, você pode perder altos valores na mesma proporção em que pode ganhar muito dinheiro.

E o maior risco que temos na operação é a opção de alavancagem. E, sim, uma das maiores vantagens também pode ser um alto risco.

Afinal, da mesma forma em que o trader é exposto a uma possibilidade de ganhos, pode obter uma alavanca de perdas, que podem ser muito superiores ao valor saldo em conta, na proporção da alavancagem.

Além disso, o day trade não permite que você invista como segundo plano, já que é extremamente importante acompanhar as operações durante todo o pregão. Ou seja, muita dedicação e conhecimento são extremamente necessários.

Plano B no Day Trade

Por mais que existam técnicas de análise e previsões, o mercado de ações nunca é 100% calculável. O plano B, ou Stop Loss, que tem como tradução literal "parar de perder", é quando você utiliza a ferramenta que limita o seu prejuízo máximo em cada operação.

Ainda está com dúvida? Entre em contato com a gente através dos comentários eu te ajudamos.

Compartilhe o tema com seus amigos e não esqueça de se inscrever na nossa Newsletter para receber novos conteúdos em primeira mão!

Origem do cadastro:
*|HTML:ORIGEMERROR|*
Quer estar atualizado sobre o mundo dos investimentos antes de todo mundo? Faça parte da nossa comunidade!
*|HTML:EMAILERROR|*
Equipe de conteúdos
Publicado em Novembro de 2020
Ficou com alguma dúvida quanto ao conteúdo ou gostaria de fazer algum comentário? Sinta-se livre para deixa-lo(a) abaixo!

Continue lendo

Se gostou desse conteúdo, com certeza também gostará destes:

Outubro, 2020 O que é e como lucrar com o Long & Short

Aprenda tudo sobre essa estratégia de operação de ações e diversifique ou proteja seus investimentos!

Setembro, 2020 Investimentos e seus impostos: Renda Variável

Nos investimentos em renda variável, você é o responsável pelo pagamento dos impostos. Fique por dentro!

Março, 2020 Como escolher um investimento – parte 1: objetivo e risco

Guia: saiba qual tipo de investimento é o mais adequado para você!


Outubro, 2020 O que é e como lucrar com o Long & Short

Aprenda tudo sobre essa estratégia de operação de ações e diversifique ou proteja seus investimentos!

Setembro, 2020 Investimentos e seus impostos: Renda Variável

Nos investimentos em renda variável, você é o responsável pelo pagamento dos impostos. Fique por dentro!

Março, 2020 Como escolher um investimento – parte 1: objetivo e risco

Guia: saiba qual tipo de investimento é o mais adequado para você!